sexta-feira, 30 de junho de 2017

Renan Calheiros agora é oposição pra valer



Renan Calheiros sobre o impeachment da presidenta Dilma Rousseff: “É claro que foi um erro. A ideia de que todos os problemas se resolveriam com o afastamento dela foi uma estratégia do Eduardo Cunha para governar sob as costas do Michel”.

O que já estava muito difícil para o presidente da república Michel Temer, poderá se complicar ainda mais, com a ida do senador Renan Calheiros (PMDB-AL) para a oposição. Daí o seu desesperado movimento em busca de apoio na oposição, mais precisamente, junto ao PT de Lula.  

O senador e ex-líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros, ao afirmar que o presidente Temer é um covarde, queimou as pontes que o ligava ao governo do PMDB, do qual é um dos seus principais membros. Renan Calheiros, que por muitos anos fez parte da cúpula do maior partido brasileiro.  
 
Fragilizado dentro do seu próprio partido e sob a ameaça de não se reeleger em 2018, Renan Calheiros passou a se posicionar como um defensor das causas do povo brasileiro, como o combate à aprovação das reformas trabalhista e previdenciária, numa tentativa de criar um ambiente favorável ao seu projeto de reeleição. O que segundo analistas e jornalistas políticos se apresenta neste momento como muito difícil.

O senador Renan Calheiros, nunca viveu um momento tão difícil na sua carreira política, como no Ano da Graça de 2017.
Postar um comentário